Guia imperdível para economizar no varejo sem impactar vendas

Donos de lojas de varejo têm um objetivo bem claro: melhorar o faturamento e o lucro. Um dos elementos para aumentar lucro é reduzir custos.

Confira abaixo o que você pode fazer para reduzir os custos sem prejudicar o desempenho de vendas:

1 – Analise todos os dias as despesas

O maior erro é pensar em reduzir os custos somente quando os negócios vão mal. Aí bate o desespero e as decisões nem sempre são as mais acertadas. Para evitar erros e fazer sacrifícios desnecessários, faça regularmente um levantamento de todos os gastos e mantenha um histórico deles. Utilize seu sistema de gestão como ferramenta de apoio e, para isto, garanta a qualidade dos dados. Organize as despesas em categorias e centro de custo, e ficará mais fácil de priorizar os cortes.

iwert sistema de gestão de lojas

iwert sistema de gestão de lojas

2 – Renegocie as tarifas e observe o fluxo de caixa

Parte das receitas das lojas de varejo é usada para pagar as tarifas bancárias. Elas normalmente não são examinadas com frequência, mas saiba que você pode renegociá-las e conseguir uma boa redução, o que no decorrer de um ano fará muita diferença.

Além disso, veja o seu fluxo de caixa e tente descobrir quais são os meses com menos recebimento e vendas. Isso ajudará a descobrir alguma sazonalidade e, assim, saber negociar prazos de pagamento de fornecedores.

3 – Garimpe fornecedores com melhor custo x benefício

Os custos das mercadorias costumam ser os mais impactantes. Por isso, negociar os melhores preços e prazos é tão importante. Faça diversas cotações e descubra a empresa com a melhor condição. Uma dica legal é você pesquisar de quem os seus concorrentes estão comprando. Não tenha medo de mudar, de arriscar novas opções, faz parte do processo de empreender e inovar.

4 – Use e abuse de um software de gestão

Fazer tudo na mão ou no caderninho é um prato cheio para riscos e falhas constantes, ou ainda, usar pela metade o software de gestão. A administração da sua loja tem de ser feita de forma profissional, e um sistema de gestão de varejo é o seu grande trunfo. Conte com parceiros que possam lhe ajudar a utilizar da melhor forma, que estejam disponíveis, que tenham conhecimento real do varejo e seus desafios.

Leia abaixo as principais vantagens ao implantar um software de gestão:

5 –  Estoque é dinheiro parado na sua loja

Sem estoque não é possível vender, mas o excesso dele significa dinheiro parado, sem retorno. Isso sem contar que ainda aumentam as chances de perdas por extravio e obsolescência. O sistema de gestão de varejo é o melhor aliado para ajudar a analisar o estoque e comprar de forma inteligente, ajudando a reduzir os custos.

6 – Coloque em promoção antes que seja tarde

O sistema de gestão permite que você acompanhe os itens com baixo giro de estoque, e que são mais antigos e precisam sair. No varejo de moda, por exemplo, este é um item fundamental para sobrevivência da loja, pois evita estocar coleções passadas. Vá além do “emocional”, use a tecnologia e a matemática para transformar em dinheiro estoque antigo ou com risco de ficar ultrapassado.

7 –  Tenha processos rápidos e centralizados

Bons sistemas de gestão integram com outros softwares de fornecedores, clientes e parceiros. Eles também tornam o processo de troca de informações mais prático e rápido. Isso significa tomada de decisão mais ágil, antever problemas e descobrir oportunidades de negócios. Tudo isso a um custo menor e com uma comunicação com menor margem para erros.

Quer saber mais como um sistema de gestão para varejo pode lhe ajudar a reduzir os custos da sua loja? Conheça o Maestro ERP, o sistema online para gestão de loja, rede de lojas e franquias que melhor se adapta às necessidades dos varejistas.